segunda-feira, 2 de maio de 2011

Dicas que todo convidado deveria saber

Gente, achei esse post em algum blog de noiva e AMEI! Todo convidado deveria ser um SIMANCOL e saber de tudo isso.... Adicionei algumas coisinhas!!!




Nós, noivinhas, passamos por algumas situações delicadas com convidados, que muitas vezes não fazem por mal, mas sim por falta de orientação, então aqui vão algumas orientações super importantes:


  • Recebeu um convite de casamento? Que bacana!! Vc é especial para alguém!! Hoje em dia, casar sai caro e quase tudo é cobrado por pessoa. Para vocês terem uma idéia com os cálculos que fiz, em Recife um convidado custa, em média, R$170,00. Logo, não existe mais aquela historinha de “convidar por convidar”. Os noivos certamente tiveram que selecionar bastante e, se você foi lembrado, significa que é uma pessoa querida por eles.

  • Fique atento aos contatos do cerimonial e, assim que possível, ligue confirmando (ou não!) a sua presença. Saiba que será através dessa colaboração tão simples que toda a festa será estruturada. Assim você evita que os noivos paguem sem necessidade (se for o caso de não comparecimento), além de permitir que eles convidem outras pessoas em seu lugar (sempre rola uma listinha “paralela”, não tem jeito), e também possibilitar um cálculo mais exato da quantidade de lugares sentados, de docinhos, bebidas, etc, etc, etc.

  • Não vale confirmar a presença sem ter certeza, numa de “segurar a sua vaga”. Alguns casais pressionam por uma resposta com muita antecedência, o que nem sempre é possível, e isso acaba levando as pessoas a agirem assim. Contudo, em geral, você pode ligar até 15 dias antes do evento, diminuindo bastante a probabilidade de surgimento de um imprevisto.

  • Nunca, jamais, em hipótese alguma peça convites extras.

  • Compre um presente. É óbvio que ninguém faz uma festa de casamento com o intuito de arrecadar presentes, mesmo porque o investimento envolvido na comemoração é mais do que suficiente para montar uma casa lindamente (algumas vezes, inclusive, os gastos excedem até o valor de um apartamento inteiro). Mas não estamos falando de matemática. Estamos falando de carinho, de gentileza. Se não der para escolher um item da lista, não faz mal. Compre o que puder, o que importa é o gesto, a atenção, a mensagem do seu cartão.

  • Tudo bem, você já descobriu que o horário marcado no convite está adiantado em 30 minutos. Mas seja bacana com a noiva. Ela sonhou com a entrada na igreja a vida toda, o que custa esperar um pouquinho? ; )

  • Se, por ventura, a espera na igreja for maior do que os 30 minutos que você previa, mantenha o bom humor. Certamente há um motivo sério para o atraso, e é nesta hora que tudo acontece. Então, relaxe. Não exija a mesma pontualidade de um compromisso de trabalho. Você está numa comemoração, cercado de amigos. Converse, ria, mate saudades...

  • Durante a cerimônia, desligue o celular e fique em silêncio. Esse é um momento solene e, mesmo que não compartilhe dos mesmos valores religiosos, respeite.

  •   Se estiver com uma criança e ela começar a chorar, saia discretamente da igreja.

  • Quando a celebração chegar ao fim, aguarde a saída de todo o cortejo. Seja delicado com os noivos, com os pais deles e padrinhos também. Lembre que a igreja cheia garante fotos bem mais bonitas!

  • Não fuja da fila dos cumprimentos, se houver.

  • Saiba que a grande tendência em termos de decoração de festas hoje em dia é disponibilizar 80% de lugares sentados formalmente e o restante em bistrôs, lounges, puffs, sofás, para a galera jovem. Então, se encontrar uma velhinha de pé, seja gentil e ceda o seu lugar. Aquela mesa não fará a menor falta, pois, certamente, você passará a festa toda se esbaldando na pista. ; )

  • Festa de casamento não é restaurante. As mesas, em geral, acomodam de 8 a 10 convidados e, muitas vezes, é preciso dividí-las com desconhecidos, sim. Não vale achar que você e seu namorado têm o direito de monopolizar os outros lugares, ok? Novamente, eu repito: seja simpático, você está numa festa!! : )

  • É comum encontrar algumas mesas reservadas. Essa é uma prática do cerimonial visando garantir todo o conforto para as famílias dos noivos. E quando falamos FAMÍLIA, estamos nos referindo a pais, avós e parentes muito próximos. Se você é um primo de quinto grau, não insista, vá em busca de outro lugar antes que seja tarde demais e acabe sem nenhum!

  • Não faça críticas. Gosto cada um tem o seu. Quando chegar a sua vez, aí sim, terá oportunidade de fazer tudo o que considera legal, lembre-se que os noivos fizeram tudo com muito carinho, e investiram nesse dia.

  • Se o serviço do buffet não estiver muito eficiente, procure a cerimonialista e sinalize, discretamente, o probleminha. Ela e as suas recepcionistas estão ali exatamente para resolver essas questões. Jamais faça queixas aos noivos, ou, muito menos, ofereça dinheiro ao garçom em troca de um tratamento “especial”.

  • Festa de casamento não é Cosme e Damião. Então, nada de levar milhares de docinhos para casa. Seja educado e lembre que existem outras pessoas ali também.

  • Bem casado é mesmo uma delícia e todo mundo gosta! Porém, levar um estoque para o resto do final de semana é muito deselegante. Se estiver numa festa fina, dificilmente terá uma recepcionista controlando, mas isso não significa que você pode atacar a mesa, ok? O cálculo sugerido é 1,5 por pessoa, já que muitas pessoas não ligam para esse “bolinho”, principalmente os homens. Então, levar até uns 2 é aceitável. Mais do que isso, gafe. Combinado?

  • Outro item que costuma gerar um verdadeiro furor é a sandália Havaiana. Gente, essa gentileza que os noivos oferecem serve para ser usada na hora, livrando os pés da mulherada daquele salto alto que tanto incomoda. Se você não está dançando na pista, dê preferência para quem está. Se quiser pegar como lembrança, ok. Mas lembre-se que você só tem 2 pés. Pegar vários pares é um verdadeiro vexame! Levar para dar de presente para outras pessoas, então, é o fim dos tempos!! Uma havaiana custa baratinho e, certamente, o seu modelito praiano não combinará com a identidade visual dos noivos depois...

  • Seja um convidado entusiasmado! Dance, curta, anime a pista! Os noivos ficarão felizes e, com a mais absoluta certeza, lembrarão perfeitamente de quem compartilhou com eles daquela noite tão especial!


7 comentários:

  1. Ótimo post! Realmente falta educação para muitos convidados!
    Quanto à história do bolo, já tinha ouvido falar desse bolo de Recife! Tenho uma amiga que é daí e a mãe dela fazia bolos de casamento! Ela disse que eram uma delícia!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  2. Como é que eu posso fazer para que os convidados fiquem cientes destas informações sem ser indelicada?

    Beijos e bom casamento se ainda não casou.Deus os abençõe!

    ResponderExcluir
  3. Danielle, Se você descobri uma forma e dá a dica tá!! Porque eu acho que as pessoas deveriam obrigatoriamente saber de tudo isso!! Eu tenho um blog e copiei pra lá (dando os devidos créditos para a Anne ;)) e espero que todos meus convidados leiam hahaha... MAs vou contar com a ajuda da minha cerimonial e de sua equipe para conter o instinto dos mais afoitos hehe...

    Adorei seu blog Anne!!

    Beijoss!

    http:\\aminhaamigavaicasar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Sensacional. Vou compartilhar no meu blog!

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Gente.
    Exatamente tudo que eu queria que meus convidados soubessem.

    Só acrescentaria uma coisa: Casamento é um sonho e tem registro, então nada de ir mulambento para festa pois você sairá mal na foto!


    beijos

    ResponderExcluir
  6. Gente ADOREI, essas dicas vão cair como uma luva para certos convidados incovenientes que eu conheço e vou ser "obrigada" a chamar!!!!
    Vou dar um jeito de colocar essa dica no nosso site quando eu fizer...

    Beijos

    ResponderExcluir

Leio com muito carinho todos os comentários!
Deixe o seu também, que eu vou ficar muito feliz!

Beijinhos!

Anne Andrade