terça-feira, 25 de outubro de 2011

Tipos de Coque

Meninas,
Achei no site da UOL! Diversos modelos de Coque para quem quer o cabelo preso no dia do casamento! Eu vou querer o meu preso e ainda não sei qual escolher!!
Segue algumas opções com as explicações do hairstylist Paulo Persil, da Persil Beauty Express: 

Coque Banana:

“Coque Banana é de fato um clássico que atravessa gerações, é reinventado e, tal como o corte Chanel, é eternizado em todos os salões de beleza do mundo. O formato da banana é adquirido com o torcido perfeito da mecha”, avalia o hairstylist.



Coque Assimétrico
“A palavra de ordem nesse penteado é buscar o volume dos anos 1980 e encontrar looks fascinantes para mulheres arrojadas. Para a preparação, é usado modelador médio, cacheando da raiz às pontas. As mechas são presas em formato de cone na lateral, de forma suave, valorizando o movimento natural dos fios”, recomenda Paulo Persil.

Coque Baixo Descontraído

“Dos coques em alta no momento, o Baixo Descontraído é um dos mais pedidos. O movimento natural dos fios é evidenciado nesse penteado, que surge à medida que pontos de fixação são criados do topo, passando pelas laterais, até a nuca”, destaca o expert.


Coque Bola

“Simetria é fundamental no coque Bola que requer tanto centralização, quanto o alinhamento perfeito dos fios. Para o formato de circunferência, ou espuma adequada, ou preenchimento com apliques. Variável quanto ao tamanho, remete ao tradicionalismo clássico que imperou por décadas e ainda tem seu lugar ao sol”, revela Persil.

Coque Chignon

“Com referência europeia, o chignon é um coque baixo, com muito volume, feito na altura da nuca. Uma mulher clássica ou moderna usa, seja no campo ou na cidade. Funciona há décadas e é a base de todo clássico”, comenta Paulo Persil.

Coque Clássico Despojado

“O clássico ganha um tom moderno, com a contraposição do topete estilo moicano com laterais menos volumosas, em efeito alinhado. O rasgado suave do coque identifica a linguagem Persil. Bobes dão o efeito de volume e movimento necessários ao coque.”

Coque com Tranças

“O grego ganha formas exageradas e efeito expressivo, dando soberania a quem o carrega. O penteado se transforma em formato arredondado e tem finalizações com tranças tradicionais, partindo da área interna do cabelo, laçando o penteado.”

Coque Grego
“Variável quanto à inclinação, volume ou acabamento, o Coque Grego é um sucesso. Ideal para qualquer estilo de vestido e essencial para aqueles com gola alta e boleros”, recomenda Paulo Persil.



Coque Rasgado


“O equilíbrio entre forma e volume se encontram nesse visual romântico com um toque de vanguarda. Na preparação, após secar, é usado modelador médio em toda extensão da cabeça. Mechas largas proporcionam esse efeito de sobreposição, criado com pontos de fixação, da extremidade ao centro”, explica o hairstylist Paulo Persil"

Coque Sorvete

“O coque sorvete é um clássico com exageros de formas. O penteado, aparente, é esculpido de maneira primorosa. Um rabo de cavalo no topo é a base dele. Para o resultado de torcidos de mechas, o uso das clássicas redinhas é primordial.”

Coque Trançado de Mechas

“O Trançado de Mechas é o mais complexo dos coques clássicos apresentados, devido à sua riqueza de detalhes com o entrelaçamento de mechas que desenham o visual. É também o mais flexível em relação ao equilíbrio de formas, podendo apresentar mais ou menos volume.”


Espero que tenham gostado!!! Eu gostei muito do Coque baixo descontraído, o coque com tranças, o clássico despojado, o grego e o rasgado!!! E vocês?

Beijinhoss!!!

4 comentários:

  1. Anneeeee!!!

    Ahh, desculpa sobre as fotos, onde vc hospeda as suas? Não quero que vc deixe de ver, estou procurando uma solução, tá?

    Quanto aos coques, ain! #suspira! Adoro, como eu já disse lá no blog, eu quero usar cabelo preso tb, só não sei como tb! rsss!
    Mas adorei as sugestões!!

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Lindos os penteados, difícil escolher um né?! rsrs...

    Anne, sobre os sparkles, eu tentei achar a vela maior aqui na minha cidade e não consegui :/ talvez SP, ou, como diz vc, na gringolandia rsrsrsrsrsrsr... Beijo, e boa sorte!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Anne!

    Cheguei no seu blog por meio do blog da Krisley, mas estou adorando e já estou te seguindo no meu Google Reader.

    Vou me casar com o cabelo semi-preso, mas se fosse me casar com um choque, com certeza seria esse coque grego. Menina, quanta variedade de coques que eu nem mesmo conhecia. Adorei o post!

    Linda, estou concorrendo a um ensaio fotográfico romântico no blog Casarei em Brasília. Será que teria como você me ajudar votando em mim aqui? Ah, tem que seguir o blog publicamente pro voto valer, ok?!

    Se quiser divulgar para seus amigos também, ficarei muito agradecida.

    Beijos e sucesso!!!

    ResponderExcluir

Leio com muito carinho todos os comentários!
Deixe o seu também, que eu vou ficar muito feliz!

Beijinhos!

Anne Andrade